Aprender com o novo

Estou estagiando, foi uma decisão difícil, trancar meu curso de psicologia (por 1 ano), psicologia faz parte de mim , mas do que eu queria, mas do que eu acreditava, mas do que eu sequer sonhava em pensar. Eu acho que Deus me dotou  com uma cabeça e com um coração de psicóloga.

Queria cursar apenas um período a mais de psicologia e ai sim, trancar. Em administração agente tem que estagiar, e eu queria estagiar mais que um ano. Mas do dia pra a noite apareceu um estágio pra mim. Ele não simplesmente apareceu, mas Deus abria todas as portas e me dizia bem claro “Lídia, É PRA VOCÊ IR”. E eu como confio e acredito em Deus, e como filha, obedeci. 


Se não fosse pouco trancar psicologia, meu estágio é na área financeira, a única que eu nunca pensei em trabalhar (Quando minha profª de financeira souber, ela vai tirar onda comigo, faz um mês e eu ainda não contei). Ufa! Aí era demais! E foi. A primeira semana foi (sem comentários) mas depois percebi o quanto eu poderia aprender, e o melhor, não só sobre administração financeira, mas principalmente sobre a organização. Eu estou cursando a disciplina DO (Desenvolvimento Organizacional), a disciplina é mágica, é muito legal, é incrível, aprendizagem organizacional, comportamento, clima, cultura, mudança e etc. E é como gosto dizer “minha área”, tenho visto tudo isso na prática na organização onde estou estagiando, e isso é fantástico!


Tenho aprendido bastante, às vezes é um nó porque precisa de atenção e isso não é meu forte, mas tá sendo legal aprender. Estou me adaptando às mudanças.


Essa semana minha Chefe disse que eu era muito empolgada, “nunca vi alguém como Lídia que gostasse tanto do curso que faz”. É interessante notar também a diferença que as disciplinas de práticas fazem no nosso modo de pensar, tenho acreditado cada vez mais que eu sou uma pesquisadora. E isso é muito bom.


Quando na sua vida as coisas saírem um pouco do planejado, mas você tiver certeza que Deus está no controle, fique tranquilo, Deus sabe o futuro!

Quando na sua vida as coisas saírem um pouco do planejado, se adapte as mudanças!

Quando na sua vida as coisas saírem um pouco do planejado, aprenda com o novo!


“Tudo o que você tiver de fazer faça o melhor que puder”

Eclesiastes 9:10

Anúncios

Humildade

Não classificar pessoas me dá a constante oportunidade de eleva-as em meu conceito. Assim existe sempre uma chance de recomeçar.

Não que o meu conceito sobre as pessoas seja algo assim tão importante, mas acredito que o modo como nos relacionamos com o nosso semelhante tem muito a ver com o conceito que fazemos sobre ele. Talvez por isso, ou porque não dizer apesar disso, o padrão de Deus para nós é que nos amemos uns aos outros  (1º João 4:11; entre outas). Porque somos diferentes, e quando amamos alguém compreendemos essa pessoa melhor, ou somos mais leais à pessoa que é objeto do nosso amor. Acredito que é sempre mais fácil compreender aquele que amamos, é mais fácil ter empatia (a capacidade de se colocar no lugar da outra pessoa) por essa pessoa.

O fato é que quando eu não classifico estou mais aberta às surpresas da vida, sim porque as pessoas são realmente surpreendentes!

Nesse caso, ou porque não dizer, nesses casos, as surpresas se referem a humildade de duas pessoas.  E como admiro pessoas humildes, a humildade só poderia ser mesmo um dom de Deus, porque é sublime demais para ser humano. A própria Bíblia fala que os humildes receberam a Terra por herança (Mateus 5:3), em outras palavras os humildes serão salvos, vão para o Céu.

Não, as pessoas não são perfeitas! Erram e erram sempre. E se você, caro leitor, quer ser feliz e viver sem frustrações entenda que as pessoas erram e que sempre vão errar (inclusive com você) e que nunca vão existir pessoas perfeitas.  Mas acho incrível conviver com pessoas diferentes que exercem o mesmo papel e reagem a vida e as “coisas desta vida” de maneiras tão diferentes. Acho incrível vê um humilde, ou melhor, alguém que tem a capacidade de ter humildade, exercendo o mesmo papel de alguém muito esnobe.

Isso também tem a ver com a pessoa em si. Sim, a forma como a pessoa vive e encara a vida tem tudo a ver com a experiência passada, com as experiências que ela viveu no passado, com as dores que enfrentou e com a maneira como (se é que realmente enfrentou ou não negou) as enfrentou. Sempre temos problemas para enfrentar as dores, por mais que estejamos bem e seguros. Não fomos programados para sofrer. Não mesmo (minha visão Bíblica da vida me faz afirmar isso, porque sei que Deus nos criou “na essência do ser humano” para sermos plenamente felizes). E por isso algumas pessoas não conseguem resolver suas dores jogam as suas frustrações nos outros não sendo seguro o suficiente para voltar atrás e corrigir possíveis erros.

Não posso também deixar de comentar, até porque acredito nisso, que pessoas que são sensíveis a Deus, manifestam o dom de Deus que é a humildade.

Resumindo, fico muito encantada com a pessoa (e ela sobe muito no meu conceito) e grata a Deus quando as pessoas me surpreendem demonstrando humildade.

Boa Semana!

Os olhos de Calebe

Fiquei imensamente feliz, há cerca de três semanas, quando peguei a minha lição e visualizei o tema. E especialmente empolgada quando vi o título da lição desta semana.

Calebe é um dos meus personagens bíblicos favoritos, ele tem espírito de liderança, é motivado, obediente, corajoso, ousado, fiel, confiante e temente a Deus (Números 13 e 14; Josué 14). Sem mencionar que ele resolve um dos maiores problemas encontrados na Bíblia, que também não é muito diferente de um problema existente no mundo cristão contemporâneo. Ele resolve de forma brilhante a questão “as promessas de Deus versus a incredulidade humana”.

Os Olhos de Calebe não enxergaram as dificuldades, os problemas, as aflições e os gigantes. Os olhos de Calebe, pela fé e confiança em Deus enxergaram uma terra perfeita, A TERRA PROMETIDA, um presente de Deus para Israel.

E na nossa vida? Temos usado os olhos de Calebe? Temos sido obedientes, ousados e obstinados? Temos acreditando sem reservas nas promessas de Deus?

Veja bem, eu não estou aqui falando daquilo que você quer para você, daquilo que você acha que seja melhor para você. Eu estou aqui falando de algo melhor, aquilo que Deus prometeu para você, aquilo que Deus está esperando ansioso para te conceder. Se os dois forem à mesma coisa melhor, amém por isso. Significa que você está se agradando do Senhor (Salmos 37:4). Mas nas nossas vidas, às vezes Deus mostra “a terra prometida” e nós fazemos como os dez espias, ou como o povo de Israel, temos medo, choramos de medo, nos rebelamos contra Deus por incredulidade.

Sabe o que eu entendo como mais bonito na historia de Calebe? É que a Bíblia relata que Calebe foi “inteiramente fiel ao Senhor” (Josué 14:13, NVI).

Se DEUS prometeu uma terra para você, siga o caminho pelos olhos da fé e adentre essa terra, ande, lute, persista, não tenha medo dos gigantes, porque o nosso Deus é PhD em derrubar gigantes. E um dia, quem sabe não muito distante, daqui um pouco, alguém vai olhar pra você porque você acreditou nas promessas do Senhor, alguém vai comentar que você é inteiramente fiel ao Senhor. Esse comentário pra você não vai ser muito interessante, não é para se orgulhar, mas você vai ser um exemplo para alguém como Calebe é na minha vida. Se você for inteiramente fiel seu exemplo vai ser uma benção e abençoar a outros!

Nota: texto criado para o Boletim Informativo (Jornalzinho) da minha igreja. Demorei muito (uns meses) a escrever, sei lá pq, já tava com vergonha, e pior sendo cobrada (hehehe A “cobradora” – uma colega da igreja – parecia Profª., aí eu pensei “faço minhas coisas da facul tudo certinho no prazo, e agora sendo cobrada”, mas gostei do resultado, o 1º tinha que ser esse, pq é a minha cara, pelo menos eu acho). Até que fui deitar um dia, morta de cansada (depois de um dia de 18h) e de repente memorizei o texto, como faço sempre, levantei acendi a luz e escrevi. Ei, aprenda com Calebe!

Não se importe

Acabei de chegar da faculdade, jantei, e vim checar meus emails. Hoje não foi o dia perfeito. Estou meio dp, acho que é TPM. Enfim, mas estou estudando a historia de Calebe na Bíblia e na Lição da ES, e isso só já me motiva muito (qualquer dia conto a historia aqui, mas se desejar ler na Bíblia  fica em Número  12, 13 e 14). Pra completar em um tempo que estou completamente sem paciência, eu votei em alguém pra governador que meus colegas da faculdade julgam que eu não deveria votar. Eu não estou nem aí, problema deles, o voto é meu, eu faço o que quiser, e estou com minha consciência limpa. Só que eles (inclusive minha amiga) ficam me provocando muito. Fui também vê o que tá rolando no twitter e lá peguei por providencia um link de um blog que minha amiga Dani colou. Vou colar o texto é o máximo. Esse texto foi perfeito pra mim, porque sou muito provocada em relação a outros assuntos também.

Provocação Pessoal

As pessoas maduras não se abalam por causa de comentários indelicados de outras pessoas. De vez em quando as pessoas dizem coisas para nos testar e fazem comentários do tipo: você não trabalha duro! ou você come demais! ou ainda todo mundo sabe que você casou com ele por dinheiro!. Às vezes, essas coisas são ditas por inveja, mas com freqüência, são ditas para provocar uma reação. Qualquer que seja o motivo, a melhor maneira de lidar com isso é sorrir e, ou não dizer nada, ou concordar com a pessoa.


Assim sendo, da próxima vez que seu vizinho o vir em seu carro novo e disser: você não trabalha quase nada e, ainda assim, eles lhe pagam uma fortuna!, simplesmente sorria e responda: não é maravilhoso?. Você não tem de explicar nada sobre suas responsabilidades e sobre o tempo que fica ralando no trabalho. Não precisa justificar. Apenas sorria e deixe isso para lá.


Quando a sua cunhada observar coisas do tipo: você está sempre tirando férias!, concorde com ela. Diga: sim, adoro tirar férias!. Se o seu primo disser: puxa, você deve ter gasto uma nota nessa piscina, sorria e fale: pode apostar que sim. É que detesto piscinas baratas! Não se deixe perturbar. Você não vai ganhar nada discutindo com seu primo, sua cunhada, seu vizinho ou com quem quer que seja. Quando encontrar com pessoas assim, concorde com elas de uma maneira gentilmente natural. Se você começar a tentar se defender, estará frito. Em poucas palavras: somente pessoas que pensam “pequeno” fazem comentários desagradáveis; e somente pessoas que também pensam pequeno se ofendem.

Seja alguém que pensa grande.


Fonte:
Andrew Matthews é escritor e autor de vários livros, que se tornaram best sellers.


Fonte: Encontre o texto  acima nessa site muito legal que descobri Faz Bem .

PS: o título já está linkado.

Fracasso não é a pior coisa do mundo

Nota: Faz alguns dias que estou de férias, na verdade já está terminando. Esse período foi muito complicado. E  lógico vou fazer meu textinho de fim de período elogiando os verdadeiros mestres. E esse último texto aí embaixo? Muito fraco, só não vou tirar porque é contra minha política. Mas, vamos ao que interessa.

Fracasso não é a pior coisa do mundo; desistir é. Edwin Louis Cole


Essa frase faz todo sentido pra mim. Fiz um texto falando da palavra que não existe no meu dicionário, e outro falando de como sou fraca. Nessa oportunidade me sentia não só fracassada, mas pior que isso é desistir e em uma única semana tinha desistido de três coisas importantes. Uma não vem ao caso contar. As outras estavam relacionadas com uma disciplina (Avaliação Psicológica) que cursei nesse período que terminou.  Essa disciplina tem a sua beleza e é muito importante, mas senti grande dificuldade nela desde o início. Se falar que o professor é uma figura curiosa, bastante exigente. Não dá pra negar o quanto que aprendi e mais que isso, gostei muito de aprender o que aprendi (acredite possa dá aulas de certos assuntos).


Mas a verdade é que estava muito ferrada na cadeira, apesar de saber o suficiente, não conseguia ir bem nas provas(bem complicas por sinal). Chegou um momento que depois de muito refletir desisti de fazer a última prova e resolvi deixar pra reposição, isso acabou comigo(mas foi o que me salvou, essa decisão, na verdade Deus me salvou), pior depois disso meu grupo e eu por uma porção de motivos justificáveis e sérios desistimos de entregar um artigo que eliminaria a nota mais baixa das três provas. Isso me colocou em uma situação muito difícil, eu corria sérios riscos de perder a disciplina, e isso me deixava com uma sensação ainda pior de fracasso.


Você deve está pensando que eu sou uma verdadeira incompetente (pra não dizer vagabunda = aqui na minha terra refere-se a quem não estuda), mas acredite não é isso. Na minha sala foram reprovados direto sem conseguir os pontos para a final 22 alunos. Isso prova a dificuldade da situação.


Mas eu não desisti da disciplina, continuei estudando fiz a reposição. E aí veio o primeiro milagre de Deus, passei. Tirei uma nota suficiente pra ir a final. Acredite nunca fiquei feliz em fazer final essa foi à primeira vez. Fui fazer a prova tremendo de medo, na minha sala o clima de medo era geral, a maior prova é que alguém sugeriu que agente rezasse ou orasse. E antes da prova agente deu as mãos e orou pedindo a Deus que nos abençoasse, que o Espírito Santo trouxesse a nossa mente tudo que agente sabia.


Fiz a prova, apesar da prova ser 80% aberta e de meu professor liberar um gabarito esse é o tipo de prova que você só sabe o quanto tirou quando recebe a sua nota. Acordei na quinta-feira(8) apreensiva, com medo e confiante, liguei pra uma amiga e ela me disse que não estava na universidade, mas que eu perguntasse ao meu professor pela net que ele dizia a nota. Assim fiz e PASSEI! Tirei mais do que eu precisava. E estou muito FELIZ e GRATA a Deus por ter me abençoado e dados sabedoria e paciência pra estudar.


Pois o SENHOR é quem dá sabedoria; de sua boca procedem o conhecimento e o discernimento. Provérbios 2:6


Sou fraca.

Como admitir a fraqueza publicamente?

Sabe quando você perde e nem precisa admitir a fraqueza publicamente, todo mundo já sabe que você perdeu, todo mundo já sabe que você é ou está fraco. Não! Eu não vou falar sobre o Brasil que foi hoje eliminado da copa do mundo. Agora só em 2014, e é aqui no Brasil, tem que dá hexa no Brasil! Mas o post não é sobre isso.


Se você leu o título diz: Sou fraca. (e o ponto que significa: realmente EU sou fraca). No auge da minha busca por acertar, no auge da minha certeza de ter perdido uma guerra eu publiquei no meu twitter essa semana “A diferença entre pessoas comuns e pessoas bem-sucedidas é a percepção e a resposta ao fracasso. Maxwell”. A certeza de ter fracassado era tão grande que comecei a analisar o que tinha me levado a ser fraca. O que teria me levado a fracassar? Então entendi onde poderia eu acertar da próxima vez se tivesse uma nova chance. Mas achava eu que a minha chance ia demorar muito, nos meus cálculos só poderia tentar ser forte nesse aspecto daqui um ano, e sob nova perspectiva, pois isso não diminuía minha perda, mas era a minha reação (reagir é sempre bom).


Decidi então que seria forte de verdade. Decidi que teria uma resposta positiva ao meu fracasso, em minha analise percebi de forma positiva e otimista que daqui a um ano seria bem sucedida. E fui à busca de uma frase que transmitisse minha idéia pessoal de fracasso, e achei essa (acima). É a frase perfeita pra quem tem certeza que fracassou, mas quer acertar da próxima vez, pra quem quer ter sucesso.


Repito isso novamente nesse blog, Eu não sei se você acredita em Deus, mas eu acredito! Eu não sei se você tem fé em Deus, mas eu tenho. E eu já achava que Deus ia realmente permitir que eu fracassasse, mas Deus me deu uma nova e última chance (pelo menos enquanto eu não posso reparar daqui a um ano o que eu entendia que seria meu fracasso total).


E publicamente eu venho por meio do meu blog particular AGRADECER ao meu GRANDE DEUS por ter mim permitido vencer essa batalha, e pedir que se for da vontade dEle Ele me ajude a vencer a guerra.


Hoje enquanto ia à faculdade pensava nisso e mais uma vez agradecia a Deus. Nesse momento me veio à mente (logicamente inspirada por Deus) um verso muito bonito que traduz diretamente esse momento que vivi. E quero compartilhá-lo com você.

A Bíblia diz assim:

Mas ele me respondeu: “A minha graça é tudo o que você precisa, pois o meu poder é mais forte quando você está fraco.” (…) Porque, quando perco toda a minha força, então tenho a força de Cristo em mim. 2° Cor. 12:9 e 10.


Sob certo aspecto eu sou fraca, mas ainda não fracassei, e se Deus me permitir, se assim for a Sua vontade não fracassarei.


Mas sou grata por mim sentir franca, pois assim pude sentir a FORÇA de DEUS.

Obrigada Deus por mim fazer forte em Ti!

Com a Tua força!

Porque continuo fraca, mas a força de Deus está em mim.


Editado: Para saber o resto da história e ver que Deus me abençoou leia também: A palavra que me dói e Fracasso não é a pior coisa do mundo.

Feliz Ovo de Chocolate

Ainda não entendo muito bem por que as pessoas desejam Feliz Pácoa se na verdade elas só ligam pro chocolate.

Comer chocolate é bom, é bom demais, gosto de comer chocolate, gosto bem mais que gostaria, até porque ele não é tão bom assim pra a saúde.

Na verdade é puro marketing, é promoção (promover) de (o) produto e todo mundo compra e vende e fica todo mundo feliz. A maioria das pessoas gostam de chocolate. A maioria das fabricas gostam de vender, a maioria dos comerciantes também. Então os ovos de chocolate atendem ao desejo do consumidor. E fica todo mundo satisfeito, assim funciona o mercado. Mas deixando a aula de marketing(bem simplista, é verdade) pra depois, quero dizer que a Pácoa não é isso, na verdade é muito mais.

A Pácoa é na verdade sinônimo de libertação, passagem. A  libertação dos primogênitos de Israel que não morreram como os demais quando estavam no Egito. Comemoravam também quando povo hebreu foi liberto da escravidão do Egito. Em seguida, Cristo morre  na época de Pácoa, e se você é cristão e para pra pensar sobre isso, tem tudo a ver, porque novamente a Pácoa simboliza libertação (passagem para uma condição de vida nova ao pecador) dessa vez da escravidão do pecado, com a morte e ressurreição de Jesus. Libertação porque o pecador agora teria direito a viver, a escolher.

Hoje, é possível que você tenha almoçado um saboroso peixe, é possível também que você tenha comido “um pouco” de chocolate, mas não esqueça de lembrar que Cristo o cordeiro de Deus passou no mundo para tirar o pecado, morreu, ressuscitou, e está no Céu vivo! Essa passagem pode ser uma passagem só no mundo dos outros, na vida dos outros, ou pode ser uma passagem de libertação no seu coração. Pense nisso!

Feliz Páscoa!

Não deixe que o mundo apague essa mensagem!